Irene Viparelli

Doutorada em Ética e Filosofia Político-Jurídica (University of Salerno)

University of Salerno

Membro do Centro de Investigação em Ciência Política
viparelli1@interfree.it
+351 266706581
University of Salerno

Irene Viparelli é especialista em Filosofia da História e Filosofia Política. Está atualmente a desenvolver um projeto de Pós-Doutoramento entitulado “Beyond the Dialects”: um confronto entre Negri e Althusser, focando a sua investigação na problemática de um fundamento ontológico da "filosofia da democracia radical". 

A hipótese que tenta demonstrar neste estudo é: 

1) É possível estabelecer uma convergência entre a "tradição ideológica francesa" (Althusser, Balibar, Badiou, Žižek), a herança do Althusserism e o "pós-operista" italiano ( Negri, Mezzadra, Virno, Fumagalli, Vercellone), enraizando-o numa "base aporética" comum.

2) A convergência entre as duas tradições filosóficas permite interpretar a atual crise europeia como um problema complexo, abrangendo múltiplos níveis de realidade: ideológica, política, económica. 

3) A interpretação da crise europeia como um problema complexo implica o reconhecimento da democratização da União Europeia como a única saída da conjuntura crítica atual.

Irene Viparelli é atualmente um dos Editores da Perspectivas - Journal of Political Science.

A investigação de Irene Viparelli é sobretudo centrada na filosofia marxista e na tradição marxista. Inicialmente, Irene trabalhou no pensamento filosófico e político do jovem Marx, abordando os problemas da relação clássica entre o jovem Marx e Hegel e o movimento juvenil hegeliano. Durante o seu doutoramento, os seus estudos concentraram-se numa questão mais específica: a influência da revolução de 1848 na teoria revolucionária de Marx. Trabalhando neste tema, Irene novamente teve que se dedicar aos temas clássicos do marxismo: a relação entre Estado e sociedade civil; a função repressiva e ideológica do estado; a receção leninista da teoria marxista, entre outros. Mais uma vez, Irene não pode escapar ao confronto entre o historicismo italiano (Corce, Gramsci), a escola de Della Volpe e o althusserianismo.

Viparelli, I. (2018). Oltre i limiti di Marx. Milan, Italia: Mimesis.
Viparelli, I. (2018). Tra operaismo e biopolitica. Genesi e sviluppo del concetto. Etica e Politica, XX(1), 53–75.
Viparelli, I. (2015). Althusser. La nécessité du « tournant » ontologique . Cahiers Du GRM, (8), 2–12.
Pardelha, I. P., Viparelli, I., & Ferreira, M. (2014). Actas das IV Jornadas Internacionais de Investigadores de Filosofia – Cartografias da Filosofia para o Século XXI . Instituto de Filosofia Prática - Universidade de Évora.

Links Úteis

Contactos

Centro de Investigação em Ciência Política
Escola de Economia e Gestão
Universidade do Minho

Campus de Gualtar
4710-057 Braga
Gabinete -1.13
+351 253 601 947

Facebook CICP Linkedin CICP email cicp

  • Twitter
  • copyright CICP @ 2019